Todas as Notícias

Notícias 02 Novembro 2018

Cemitérios do Rio muito além do Dia de Finados

Avalie este item
(0 votos)

Pelo menos dois milhões de pessoas visitaram os cemitérios do Rio de Janeiro neste Dia de Finados, apesar do feriado prolongado. Como sempre, a chuva manteve a tradição de "chover no finados"; muitos viveram a triste experiência do finados pela primeira vez; nas ruas e portões, gente de todas as idades tentando ganhar a vida...

Mas o que se viu foi muito mais que a pluralidade dos atos religiosos e as várias ações de solidariedade programadas para o conforto das famílias. Os serviços cemiteriais e funerários disponíveis nos cemitérios públicos ganharam qualidade de gestão e se transformam para melhor a cada ano, provando que o processo de concessão pública foi decisão acertada. Acabou com as filas, devolveu a dignidade e apontou padrões de atendimento. Segundo a coordenadora-geral de Cemitérios e Serviços Funerários da Prefeitura do Rio de Janeiro, Daniela Mantovanelli, que participou dos principais eventos das redes pública e privada, "este é o caminho das muitas inovações que serão implementadas nos próximos meses".

 

Programação Cultural e Religiosa nos Cemitérios Particulares

Por outro lado, os cemitérios particulares, que investiram na expansão e modernização de instalações, aproveitaram a data para apresentar suas novidades aos milhares de usuários e potenciais clientes, numa programação repleta de homenagens e atrações culturais.

 

  

Cemitério da Penitência:

https://cemiteriodapenitencia.com.br

 

O tradicional Cemitério da Penitência, que em setembro inaugurou o maior complexo cemiterial da América Latina, considerando a diversidade de instalações, programou workshop, passeio cultural, apresentações musicais e missas em diversos horários. Pela manhã, as instalações do Cemitério Vertical e Crematório receberam as bençãos do Cardeal Arcebispo do Rio, Dom Orani Tempesta. "A tradição viva do Dia de Finados é a certeza de que a vida continua após a morte" disse. O cemitério ainda distribuiu flores e os visitantes puderam deixar mensagens nos murais da Campanha da Gratidão. O Sexteto da Orquestra da Maré fez sucesso.

 

 

A Coordenadora Daniela Mantovanelli com o Cardeal Arcebispo, Dom Orani Tempesta, entre os diretores do Penitência, Alberto Brenner Jr e Flávio Esteves. Daniela ainda acompanhou os eventos do Jardim da Saudade - Sulacap, do Memorial do Rio, e a tradicional missa pelos indigentes, sepultados em Santa Cruz.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

http://jardimdasaudade.com.br

 

A programação dos Cemitérios Jardim da Saudade (Sulacap e Paciência), reconhecidos entre os mais belos empreendimentos do país, recebeu milhares de visitantes durante todo o dia.

O Jardim da Saudade Sulacap realizou um Tributo em Memória dos Policiais Vítimas da Violência no Rio de Janeiro, com inauguração de monumento em solidariedade aos seus familiares. A Banda Sinfônica da PMRJ apresentou o Concerto – Manifesto “Pátria Amada Paz” no evento que contou com missas e músicas em vários ambientes.

Entre as atrações, uma Exposição Virtual (totens digitais) em homenagem aos PMs, e a presença do CVV – Centro de Valorização da Vida, com sua tradicional campanha de prevenção contra o suicídio.

No Jardim da Saudade Paciência um Tributo pela Paz, dedicado à esperança de um futuro melhor para o país e para o Rio, abriu a programação. Músicos do Theatro Municipal apresentaram o Concerto – Manifesto “Pátria Amada Paz”.

 

 

 

 

 

 

 

 

http://memorialdorio.com.br

 

O primeiro Cemitério Vertical construído fora do complexo do Caju, o Memorial do Rio (Via Washington Luís) ajudou a amenizar a dor dos familiares com apresentações musicais e cultos religiosos. Os visitantes ganharam um “tour” pelos diversos ambientes do cemitério, cuja arquitetura lembra um hotel de várias estrelas. Os músicos se apresentaram com violino, saxofone, flauta e teclado.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Como foi o movimento de visitantes nos Cemitérios Públicos

 

http://concessionariariopax.com.br

 

Cemitério São João Batista:

 

 

Cemitério de Campo Grande:

 

Cemitério de Irajá:

 

Cemitério de Inhaúma:

 

Cemitério de Jacarepaguá:

 

 

 

 

http://concessionariareviver.com.br

 

Cemitério do Caju:

 

Santa Cruz:

 

Ilha de Guaratiba:

 

Ilha de Paquetá:

 

Murundu (Realengo):

 

Ricardo de Albuquerque:

 

Cacuia (Ilha do Governador):

 

 

 

 

Imagens: Edvaldo Silva, Sandro Augusto, Patrícia Porto, Sérgio Amaral e colaboradores.

 

Lido 2691 vezes